A notícia é avançada pelo jornal Público.

Durante o mês de abril, a Direcção-Geral da Saúde (DGS) vai convidar três associações da sociedade civil para discutir novos critérios de triagem nos serviços de colheita de sangue.

As normas atuais impedem homo e bissexuais de doarem sangue por alegado risco de transmissão de infeções e doenças, uma crença amplamente discutida na comunidade científica e para a qual não existe consenso médico.

As reuniões da DGS resultarão numa norma clínica que será depois âmbito de discussão pública durante três meses até entrar em vigor.

O tema está a ser debatido há mais de dois anos, quando foi criado pelo anterior Governo um grupo de trabalho para emitir um parecer sobre o tema.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.