“Estamos no caminho certo para dar uma primeira dose a todos os adultos até ao fim do julho”, afirmou o ministro da Saúde, Matt Hancock, após o Governo declarar que iria seguir a recomendação para oferecer uma vacina alternativa à AstraZeneca aos adultos entre 18 e 29 anos.

O conselho do Comité Conjunto de Vacinação e Imunização [Joint Committee on Vaccination and Immunisation, JCVI] foi emitido após o regulador Agência de Medicamentos britânica (MHRA) ter confirmado indícios de efeitos secundários “extremamente raros” em 79 pessoas, das quais 19 morreram.

Porém, o risco de tromboembolismos, vincou, continua a ser menor do que o risco dos efeitos da doença.

No total, mais de 21 milhões de doses da vacina AstraZeneca foram administradas no país, onde também estão a ser administradas as vacinas Pfizer e Moderna.

Até terça-feira, 31.707.594 pessoas receberam a primeira dose de uma vacina contra o novo coronavírus, das quais 5.683.509 receberam uma segunda dose, a qual é administrada com um intervalo de entre três e 12 semanas.

A utilização de vacinas em menores de 18 anos ainda não foi aprovada, tendo os testes clínicos da AstraZeneca sido suspensos pela Universidade de Oxford na terça-feira.

O Governo britânico garante que pelo menos seis mil mortes já foram evitadas graças à vacinação iniciada em dezembro.

Nos últimos sete dias, entre 01 e 07 de abril, houve uma redução de 35,5% no número de mortes e de 36,6% no número de casos com um resultado de teste positivo de covid-19 em relação aos sete dias anteriores.

Na quinta-feira, data dos dados disponíveis mais recentes, estavam hospitalizadas 3.536 pacientes com covid-19, menos 22,7% do que na quinta-feira anterior.

No total, morreram no Reino Unido 126.927 pessoas entre 4.367.291 casos de contágio confirmados desde o início da pandemia covid-19.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.874.984 mortos no mundo, resultantes de mais de 132,3 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.890 pessoas dos 825.031 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.