Uma moçambicana, de 71 anos, morreu no domingo, disse Benigna Matsinhe, diretora adjunta de Saúde Pública, durante a atualização de dados sobre a covid-19 em Moçambique.

“Gostaríamos de assinalar que esta é a primeira vez que o país diagnostica abaixo de 100 novos casos diários da covid-19, desde 29 de dezembro de 2020, quando houve registo de 62 casos positivos em 977 amostras”, referiu a responsável.

O número de óbitos no país subiu para 747 e o de casos para 66.306, dos quais 79% estão recuperados e 125 internados.

Moçambique tem ainda 12.673 casos ativos, do total acumulado de 466.296 casos suspeitos testados, desde o anúncio do primeiro há um ano.

O número de casos, óbitos e internamentos diários tendem a baixar desde fevereiro em Moçambique, após uma subida exponencial em janeiro, situação que chegou a pressionar o sistema de saúde.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.716.035 mortos no mundo, resultantes de mais de 123 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.