“Há um novo caso positivo a reportar identificado durante o dia de ontem, no contexto das atividades de vigilância implementadas no Aeroporto da Madeira”, refere a entidade em comunicado, esclarecendo que se trata de um passageiro que fez o teste no local.

O viajante permanece em confinamento numa residência, no concelho de Santa Cruz, zona leste da ilha, e a investigação epidemiológica está em curso.

Por outro lado, um outro caso suspeito, sinalizado no dia 02 de julho, também no contexto da operação no aeroporto, aguarda ainda resultados laboratoriais definitivos.

“Este viajante permanece em confinamento numa residência, no concelho do Funchal”, refere o comunicado.

A operação de rastreio de viajantes nos aeroportos da Madeira e Porto Santo teve início em 01 de julho, na sequência de uma resolução do Governo Regional, de coligação PSD/CDS-PP, que impõe a obrigatoriedade de os passageiros apresentarem um teste negativo realizado até 72 horas antes do início da viagem, ou, então, a efetuá-lo à chegada.

Até ao dia de ontem, foram contabilizadas na região 1.550 notificações de casos suspeitos de covid-19, das quais 93 foram casos confirmados.

Atualmente, 3.019 pessoas estão a ser acompanhadas pelas autoridades de saúde dos vários concelhos da região, agora com recurso a uma aplicação de telemóvel, designada ‘MadeiraSafetoDiscover’, sendo que 319 encontram-se em vigilância ativa.

Em Portugal, morreram 1.598 pessoas das 43.156 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 527 mil mortos e infetou mais de 11 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.