“Com este concerto, a Associação Alzheimer Portugal, pretende reforçar a importância das demências serem consideradas uma prioridade de saúde pública e de ser criado um Plano Nacional para as Demências que contemple um percurso de cuidados adequado, assim como apoios aos cuidadores destes doentes”, refere José Carreira, presidente da Alzheimer Portugal.

O concerto, que tem o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, terá início às 21h00, no Fórum Lisboa (Antigo Cinema Roma) e conta com a presença de 13 músicos portugueses, tais como: Alexandra, André Gomes, António Pinto Basto, Augusto Ramos, David Antunes & Midnigth Band, João Braga, José Cid, José da Câmara, Maria Armanda, Sofia Ferreira, Teresa Siqueira, Teresa Tapada e Toy, que tornam possível a realização deste concerto.

A associação convida todos os portugueses a estarem presentes, sendo que o donativo mínimo por pessoa é de 15 euros.

A Alzheimer Portugal é a única organização em Portugal, de âmbito nacional, especificamente constituída com o objetivo de promover a qualidade de vida das pessoas com doença de Alzheimer e dos seus familiares e cuidadores.

Doentes vão triplicar em 2050

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que em todo o mundo existam 47,5 milhões de pessoas com demência, número que pode atingir os 75,6 milhões em 2030 e quase triplicar em 2050 para os 135,5 milhões.

A doença de Alzheimer assume, neste âmbito, um lugar de destaque, representando cerca de 60 a 70% de todos os casos de demência, segundo a OMS.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.