Com a entrada em 2020, o wine bar do InterContinental Cascais-Estoril reserva um dia da semana, das 19h00 às 20h00, para dar prova e contar as histórias em torno de trios de vinhos de diferentes produtores nacionais. As sessões vínicas, harmonizadas com alguns dos produtos regionais presentes no Bago du Vin, estão abertas a hóspedes e visitantes.

A primeira prova do ano, de entrada livre, realiza-se já a 9 de janeiro, com a presença do Ávidos, produtor do Douro. Em degustação estarão os vinhos Apaixonado Rose 2018, Apaixonado Reserva Tinto 2015 e Amavio 2016. Do Douro Superior, estes néctares nascem de vinhas com idades entre os 12 e 25 anos, plantadas por casta, permitindo a vindima no ponto ideal de maturação de cada uma delas.

A 6 de fevereiro é a vez da Vinha das Virtudes trazer a palco três vinhos de José Rodrigues, que em 2011 se deixou encantar pelas planícies alentejanas e decidiu comprar o Monte da Ribeira, propriedade de cerca de 12 hectares nas proximidades de Évora, num talhão da antiga Herdade da Avessada, onde plantou um pomar e uma pequena vinha, a primeira deste projeto, e desta adega, local de criação dos seus vinhos.

InterContinental Cascais-Estoril

Avenida Marginal, 8023, Estoril

Contactos: Tel. 218 291 100

Ainda no primeiro trimestre de 2020, a 5 de março, são os vinhos da Quinta do Todão que ganham protagonismo na prova de vinhos do Bago du Vin. De solo acidentado e profundamente xistoso, trata-se de uma quinta histórica, com referências seculares no vinho do Porto. A sua área de vinha estende-se por 50 hectares, e propõe um tinto de grande envergadura produzido a partir de uma seleção das melhores vinhas da quinta, da casta Touriga Nacional.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.