Esta quarta-feira, 2 de junho, a rainha Letizia marcou presença num encontro na Fundação Contra a Adição de Drogas e conquistou todas as atenções com a escolha de um visual que evidenciou a sua elegância. E não só.

Letizia apostou num sofisticado vestido que esconde uma história inspiradora, como noticiou a Vanitatis, e que tem a Associação para a Prevenção, Reintegração e Cuidado de Mulheres Prostituídas como protagonista.

O vestido foi confecionado na oficina têxtil que a associação tem em Madrid e faz parte da primeira coleção feita por 12 sobreviventes de tráfico de mulheres. Doze personalidades que "recuperaram a sua liberdade através da moda", frisou a publicação.

Sabe-se ainda que a coleção, chamada 'LIVRE', foi uma parceria com o designer Ulises Mérida e foi apresentada no passado mês de abril. O dinheiro arrecadado com a venda das peças será integralmente atribuído a essas mulheres para que possam dar os primeiros passos no universo da moda.

Leia Também: Princesa Leonor e infanta Sofía vão participar no 1.º evento sem os pais

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.