Com três pontas, a graça do spinner é fazê-lo girar em diversas posições e em várias partes do corpo. Nos modelos movidos a motor, há o risco de engasgamento com as pequenas pilhas utilizadas. Várias organizações de defesa do consumidor consideram que este brinquedo é contraindicado para crianças com idade inferior a 6 anos.

Se a criança for mais nova e já tiver um spinner, a recomendação é que o brinquedo lhe seja retirado. No caso das crianças maiores, o conselho vai no sentido de que o brinquedo seja utilizado sob a supervisão de um adulto e nunca deixar uma criança sozinha com ele.

Não vale a pena entrar em pânico, mas é importante que os pais entendam os riscos que estão associados ao brinquedo. Só assim será possível reduzir o número de acidentes com os spinners.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.