Portugal é um dos países da Europa onde menos de casa. De acordo com dados de 2017, divulgados ontem pelo Eurostat, o departamento de estatística da União Europeia, só a Eslovénia com 3,1 matrimónios por mil habitantes, a Itália com 3,2 e o Luxemburgo com 3,2 registam uma taxa inferior à nossa, que não ultrapassou os 3,3 nesse ano. Ainda assim, em comparação com 2015 e com 2016, houve mais gente a casar.

No extremo oposto, surge a Lituânia, o país da União Europeia que regista a maior percentagem de casamentos, com uma taxa de 7,5 matrimónios por mil habitantes. Em segundo lugar, surge a Roménia, com 7,3. Segundo este organismo europeu, entre 1965 e 2015, a média europeia desceu de 7,8 para 4,3. Em contrapartida, no mesmo período, os divórcios mais do que duplicaram, passando de 0,8 para 1,9.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.