A 12ª edição do concurso “Vou Desenhar a Minha Dor” insere-se nas comemorações do Dia Nacional da Luta Contra a Dor e contemplou crianças hospitalizadas com menos de 12 anos.

Os trabalhos admitidos foram divididos em dois escalões etários com base nas idades das crianças à data da conclusão do concurso: entre os 6 e os 8 anos e dos 9 aos 12 anos.

No primeiro escalão, os vencedores foram Diogo Santos, Bianca Pontes, Filipa Brandão (Hospital de São João) e Afonso Abreu (Hospital Dr. Nélio Mendonça). Na faixa etária entre os 9 e os 12 anos, foram distinguidos os trabalhos de Leonor do Rosário (Hospital de Santa Maria), Paloma Costa (Centro Hospitalar Barreiro-Montijo), Pedro Nogueira (Hospital de São João), Inês Oliveira (Hospital Dr. Nélio Mendonça) e João Cachapa (Hospital Prof. Doutor Fernando Fonseca).

VEJA AQUI OS DESENHOS DOS VENCEDORES:

O concurso insere-se nas comemorações do Dia Nacional de Luta contra a Dor e tem como objetivo percecionar como é que as crianças hospitalizadas veem, descrevem e combatem a sua dor. A iniciativa pretende ainda sensibilizar o público em geral e os profissionais de saúde, em particular, para o problema da dor na criança e para o seu contexto físico-psicológico.

No mesmo dia da entrega dos prémios do concurso deste ano, será inaugurada a exposição “Desenhos da Minha Dor” no dia 20 de outubro, às 10h, no Hospital Pediátrico de Coimbra. Esta exposição organizada pela APED para além de apresentar trabalhos do concurso dos últimos 10 anos, vai fazer uma “viagem” sobre a Dor na Criança, desenvolvendo e chamando a atenção da temática.

Em cada escalão, vão ser atribuídos às crianças cheques-oferta no valor de 250, 200 e 150 euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.