A Câmara de Lisboa vai lançar uma campanha para apelar à população que tenha uma atenção especial aos seus vizinhos idosos, para evitar que se continuem a encontrar idosos mortos em casa, disse hoje o presidente do município. Na quarta-feira à tarde, duas irmãs, de 74 e 80 anos, foram encontradas mortas em casa, na Travessa do Convento de Jesus, freguesia das Mercês, Lisboa, em “avançado estado de decomposição”, depois de um alerta dado por uma vizinha que regressou de umas férias no estrangeiro. Perante esta situação, o presidente da Câmara de Lisboa, António Costa, disse hoje aos jornalistas, à margem do Fórum das Políticas Públicas promovido pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE), que os vereadores Helena Roseta e Manuel Brito (Habitação e Proteção Civil, respetivamente) estiveram reunidos durante a tarde para encontrar uma solução para este problema e vão adotar um “plano para apelar a toda a população que tenha atenção especial aos seus vizinhos”. António Costa disse que a autarquia vai apelar a que “os vizinhos deem atenção uns aos outros e vejam se o vizinho do lado há muito tempo que não aparece, porque é que não o encontram ou se infelizmente está abandonado em casa”. Manuel Brito acrescentou à Agência Lusa que a campanha vai apelar a que os vizinhos telefonem para as autoridades através de um número verde. “Queremos que nos telefonem, porque quando há telefonema os Sapadores chegam a tempo. Temos equipas prontas 24 horas por dia e 365 dias por ano”, afirmou. De acordo com dados fornecidos à Agência Lusa pelo vereador, em 2011 o Regimento de Sapadores Bombeiros foi chamado 1.511 vezes para “ocorrências de abertura de portas com socorro”, das quais 79 resultaram em “abertura de porta com cadáver no interior” (mais 19 do que em 2010) e outras 203 em “situação de risco”, como o fogão acesso, ou esquentador. “O que importa realçar é que foram salvas ou transportadas para o hospital 1.229 pessoas porque as suas situações foram detetadas a tempo”, considerou Manuel Brito. Este ano, já foram encontradas 10 pessoas já cadáveres, acrescentou. A autarquia está a ultimar a campanha, que será apresentada em breve, mas António Costa considerou também que “a reestruturação administrativa de Lisboa vai trazer seguramente mais capacidade às freguesias” para a intervenção comunitária e na área social.
27 de janeiro de 2012

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.