O primeiro pontapé
créditos: Hugo Cavaco