Brincar não só faz bem ao bem-estar do bebé, e das crianças em geral, como também desenvolve a aprendizagem e diversas capacidades, emoções e a psicomotricidade.

Por isso, a aprendizagem através das brincadeiras deve ser estimulada desde tenra idade.

Dos 0 aos 6 meses

Durante os primeiros meses de vida do bebé pretende-se estimular a visão, o olfato e a audição. Os brinquedos mais indicados para estas idades devem fomentar o contacto físico, o contacto visual e o sentido de profundidade.

Dos 6 aos 12 meses

Os bebés começam a sentar-se, a gatinhar e há uma grande evolução nesta fase. A exploração através das mãos e o contacto social com outros bebés são primordiais. Os jogos sonoros são importantes para tomarem contacto com as melodias e ritmos. É nesta fase que os bebés começam a emitir sons mais significativos e a reconhecer quando ouve o seu nome.

Dos 12 meses aos 24 meses

Nesta fase os bebés já andam, empurram objetos (como o carrinho) e sobem escadas. Estão a tornar-se mais autónomos. Apontam para imagens e reconhecem os sons mais familiares. Deixe que seja o bebé a escolher a brincadeira e deve começar a aprender a brincar sozinho. Uma ida ao parque é uma forma de lhe dar esta autonomia e de o colocar em contacto com outras crianças.

Dica: Até aos 24 meses dê preferência a brinquedos coloridos e que emitam sons. De uma forma geral, os bebés precisam de brinquedos que os estimulem ao nível cognitivo e dos sentidos, como o tato e visão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.