No dia em que assinalam oito anos desde a trágica morte de Whitney Houston, foram revelados novos dados sobre a reveladora autópsia a que esta foi sujeita.

De acordo com documentos obtidos pelo Daily Mirror, a artista tinha uma doença cardíaca em estado avançado. Tanto que uma das suas artérias estava já 60% bloqueada.

Os mesmos documentos dão ainda conta de que esta tinha o corpo coberto de cicatrizes, ferimentos, marcas, falta de pelos nas sobrancelhas e ainda que lhe faltavam 11 dentes. A causar tais danos no corpo de Whitney estariam os vários anos de consumo de drogas e a doença acima referida.

Recorde-se que a interprete de 'I Will Always Love You' foi encontrada morta debruçada na banheira de um quarto de hotel antes de uma festa pré-Grammys.

Leia Também: Ariana grande 'apanhada' aos beijos com homem misterioso

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.