Este foi um ano particularmente marcante para a realeza britânica. O filho mais novo da princesa Diana e do príncipe Carlos, Harry, casou com Meghan Markle, depois de protagonizarem uma das relações mais mediáticas da família de Isabel II.

A atual duquesa de Sussex não viu o seu caminho facilitado até chegar ao altar. Sendo uma mulher divorciada, de 36 anos, afro-americana e atriz, a monarquia colocou alguns obstáculos em aceitá-la nos clássicos padrões. E parece que uma das pessoas que mais resistiu à aceitação de Meghan foi o príncipe William, irmão de Harry.

De acordo com o The Sun, a chegada da antiga estrela de 'Suits' fez agitar a relação entre os irmãos, uma vez que William quis certificar-se das intenções de Meghan.

"William disse ao seu irmão que não sabia nada sobre os antecedentes de Meghan e quais eram suas intenções. Só queria deixar claro que entrar para a família real é algo enorme e que resulta em muita pressão. Meghan seria a pessoa certa?", conta uma fonte.

Por sua vez, Harry não reagiu bem e acusou William de "tentar acabar com o seu relacionamento mesmo antes de começar".

Mas o amor parece ter vencido. Meghan e Harry subiram ao altar a 19 de maio e preparam-se agora para a chegada do primeiro filho, que nascerá na próxima primavera. Já a relação com o irmão, essa, continua a longe de melhorias e os rumores de tensão acentuaram com a notícia de que os duques de Sussex vão mudar de casa, deixando assim de viver perto de William e Kate Middleton.

Será que 2019 reserva melhor ambiente no seio da família real?

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.