A TVI revelou esta terça-feira um excerto inédito da série 'Olhar de Mãe', da MultiOpticas, na qual Dolores Aveiro é a grande protagonista.

No dia em que a Seleção Portuguesa entra em campo para a primeira partida do Euro 2020, a matriarca do clã Aveiro lembra alguns dos episódios em que mais se emocionou e vibrou por ver o filho de quinas ao peito.

"Quando o Ronaldo foi chamado à seleção e foi o Europeu [em 2004], eu até desmaiei no Estádio da Luz. Depois o Ronaldo disse para eu não ir lá ver mais os jogos e vi em casa, e em casa desmaiei e parti os dentes da frente. Bati com a cara no chão e parti os dentes da frente. Já passei por muito...", começa por recordar Dolores Aveiro, confessando que este segundo desmaio aconteceu no mítico jogo, de "muitos nervos", contra a Inglaterra em que o guarda-redes Ricardo Pereira defendeu um penalti decisivo.

Dona Dolores lembrou ainda a vitória da Seleção Portuguesa no Europeu de 2016. "Chorei bastante", recorda a mãe de CR7 lembrando o momento em que o filho foi substituído depois de se ter lesionado neste jogo e ainda o momento em que Portugal se sagrou vencedor.

A alegria de Dolores foi tanta que acabou a trocar uma camisola com um jovem apoiante da seleção que viu o jogo no estádio perto de si.

Convidada a escolher entre Lionel Messi e o filho, a mãe Dolores não têm dúvidas: é CR7 o melhor, mas ainda assim não deixa de elogiar o rival do filho.

"O Messi é boa pessoa, é uma pessoa espetacular. E como jogador também é bom", afiança.

Leia Também: Dolores Aveiro deixa mensagem à seleção: "Vamos com tudo"

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.