O pai das gémeas adotadas por Madonna está, alegadamente, chocado com a sua adoção, relata a imprensa internacional.

Adam Mwale – que esteve presente na audiência em tribunal ainda no início deste mês – afirma que foi enganado quanto ao acordo oficial e que pensava que as suas filhas iriam voltar um dia para ao pé de si.

Disseram-me deste o início que a Esther e a Stella iam viver com uma mulher rica, que lhes iria dar uma boa educação, e que voltariam para ajudarem-me a mim e à minha família”, relata. “Agora disseram-me que a adoção é permanente. O que não pode ser verdade – eu não quero que seja verdade. Eu sou o pai delas e sempre serei”, defende.

O homem de 40 anos (a mãe, de nome Patrícia, morreu durante o parto das meninas) diz ainda que o tribunal o acusou com “mentiras terríveis” ao dizer que já tinha abandonado cinco filhos, com idades compreendidas entre os oito e os 20 anos, para se casar com outra mulher.

De sublinhar que Madonna, de 58 anos, já é mãe de Lourdes, com 20, Rocco, de 16 e de Davi e Mercy, adotados também no Malawi.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.