Holland & Knight - a sociedade de advogados que representou Jamie Spears durante anos no âmbito da sua batalha pela tutela da filha - decidiu deixar de trabalhar para ele, devido às preocupações de que o advogado de Britney o processe assim que a tutela for dada por terminada, revela o Page Six.

"O advogado Mathew Rosengart já assegurou inúmeras vezes que vai investigar e processar o Jamie", revelou uma fonte próxima. "Se e quando o fizer, o Jamie vai precisar de ser defendido", nota.

Segundo a publicação, a conselheira legal de Jamie, Vivian Lee Thoreen, afirmou que este precisaria de uma defesa diferente, processo em que a Holland & Knight não teria "interesse".

O pai da 'princesa da pop' já encontrou, entretanto, uma nova pessoa para o defender, nomeadamente Alex Weingarten.

Recorde-se que no dia 29 de setembro deste ano, Jamie foi oficialmente retirado das suas funções como gestor da tutela da filha, após 13 anos

Leia Também: Irmã de Britney Spears "magoada" após instituição recusar donativos

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.