Keith Richard, guitarrista e fundador dos Rolling Stones fez revelações surpreendentes quanto ao seu passado.

O mesmo admitiu que pensou em suicidar-se, na altura em que o seu filho Tala, de 10 meses faleceu, de síndrome de morte súbita do lactente.

"Foi um choque para mim, principalmente porque estava em Paris, recebi o telefonema e isto aconteceu em Genebra. Pensei que iria enlouquecer se não subisse ao palco e desse aquele concerto naquela noite. Foi muito duro. Pensei: 'Tenho que ir para o palco e faço o luto depois disso. Se não o fizesse, provavelmente ter-me-ia dado um tiro", afirmou Keith numa entrevista à Radio 4.

Relembre-se que a criança morreu em 1976, quando Richards ainda estava em digressão com a banda.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.