Harvey Weinstein irá responder perante a justiça por mais um caso de assédio e abuso sexual. A atriz alemã Emma Loman acusa o produtor cinematográfico de a ter violado em 2006, durante o festival de Cannes, noticia o The Hollywood Reporter esta terça-feira.

De acordo com a publicação, a artista relata que Weinstein utilizou o seu poder na indústria para a seduzir e atraí-la até um quarto de hotel, onde veio mais tarde a abusá-la sexualmente, alega.

Porém, Emma refere que apenas aceitou o convite devido à insistência do produtor e do seu assistente, que a bombardeavam com dezenas de chamadas por dia para a tentar convencer a ir ao festival. O motivo do convite estaria associado a uma possível participação da atriz num filme.

"Assim que cheguei ao quarto de hotel, Weinstein rapidamente abandonou o lado profissional. Dominou a Loman e violou-a. Chocada e traída, ela não sabia o que fazer", afirmou o advogado da atriz, Joseph Ferrucci.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.