Pouco tempo depois de Harry ter feito um teste ao VIH em direto no Facebook, como forma de servir de exemplo, mais uma vez o príncipe chamou à atenção para este assunto durante um emocionante discurso, onde recordou a mãe, Diana de Gales.

O mesmo decorreu na International AIDS Conference, em Durban, na África do Sul.

“Quando a minha mãe segurou na mão de homem que estava a morrer de SIDA num hospital de Londres, ninguém imaginaria que apenas 25 anos depois o tratamento existiria e poder-se-ia ver pessoas a viverem de forma saudável por um longo tempo”, ressalvou.

No entanto, para o príncipe, a evolução nos tratamentos da doença também tem o seu lado mau, uma vez que atualmente a SIDA não é um dos assuntos a que os média mais abordam.

Por isso, para Harry é hora de uma nova geração se erguer na luta contra a doença, até porque nenhum jovem deve sentir vergonha de pedir para fazer um teste ao VIH.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.