Gonçalo Quinaz esteve esta quinta-feira no programa 'Goucha' para uma entrevista onde, ao lado da mãe, recordou o seu percurso de vida.

O antigo jogador de futebol começou por lembrar a sua história de amor com Pamela. Conheceram-se aos 14 anos, na escola, aos 19 já viviam juntos e foi aí que decidiram ter o primeiro filho: Martim, de 16 anos.

Ainda que com algumas interrupções, a relação durou quase 20 anos e dela nasceu ainda o pequeno António - agora com dois anos.

Gonçalo admite que um dos motivos de uma das ruturas com a ex-companheira se deveu às suas traições.

"Eu traí", confessa. "Arrependo-me. Ninguém gosta de ser traído, eu não gostava que me fizessem", lamenta, consciente de que o filho mais velho acabou por sofrer com as consequências dos seus atos.

Sobre a relação que tem agora com a ex-companheira, Quinaz garante que entre ambos permaneceu a amizade.

"É uma mulher fantástica. Tive a sorte de ter a melhor mãe que os meus filhos poderiam ter", afirma.

Ainda no decorrer da entrevista, Gonçalo voltou a lembrar a sua luta para conseguir estar com o filho, Nairon, de sete anos, que tem em comum com Nereida Gallardo e que está impedido de ver por decisão da mãe do menino e do tribunal espanhol. O antigo futebolista mostra-se esperançoso de um dia conseguir recuperar o tempo perdido com o filho e garante que não deixará de lutar para o conseguir rever.

Atualmente, recorde-se, Gonçalo Quinaz namora com Jéssica Nogueira, com quem diz estar a viver um momento muito feliz.

Leia Também: 'Big Brother': Iury Mellany e Daniel Monteiro lançam nova marca

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.