Foi no dia sete de setembro que Mac Miller foi encontrado já sem vida em sua casa, aos 26 anos. Pouco mais de um ano depois da trágica notícia, a imprensa internacional revela que os milhões do rapper já têm destino.

De acordo com o TMZ, Mac contava com uma fortuna de 11 milhões de dólares, cerca de dez milhões de euros, e a quantia será dividida entre os amigos e familiares.

O total do património líquido do artista foi cerca de 11,3 milhões de dólares, como revelam os documentos a que o site teve acesso, que incluem os valores imobiliários e em dinheiro.

Além dos pais e do irmão, Miller McCormick, também alguns dos amigos mais próximos estão listados para receber alguns dos pertences pessoais do rapper.

Mac já tinha escrito algumas instruções específicas para as pessoas que lhe eram próximas, incluindo deixar peças de roupa e outros objetos pessoais - como televisões e iPads - ao amigo Bryan Johnson. Outro amigo, Q Chandler-Cuff, ficará com todas as jóias avaliadas em "dezenas de milhares de dólares".

Por sua vez, Dylan Reynolds ficará com todos os instrumentos e equipamentos de Mac, incluindo a sua guitarra no valor de cinco mil dólares. E, por último, o amigo Jimmy Murton vai ficar com os móveis.

Assim sendo, a família de Miller vai receber cerca de cinco milhões de dólares, 4.5 milhões de euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.