A ida do príncipe Harry a Inglaterra, a propósito do funeral do príncipe Filipe, foi no mínimo tensa. O duque de Sussex viu-se ignorado pela maioria do membros seniores da família durante as cerimónias fúnebres à exceção do irmão e da cunhada, o príncipe William e Kate Middleton, o pai, o príncipe Carlos e ainda o tio, o príncipe André.

Ora, conforme noticia agora o jornal The Sun, os membros da família decidiram 'suspender' as conversas com Harry devido à constante fuga de informações "do lado dos Sussex".

Por isso, durante esta ocasião, não foram tidas "conversas importantes", conforme revelaram fontes à publicação.

Aliás, mesmo com todos os cuidados que foram tomados, o palácio não deixou de ficar alarmado com a quantidade de detalhes a que a revista People teve acesso relativamente ao telefonema que Meghan e o filho de um ano, Archie, fizeram com a rainha Isabel II após o funeral.

Leia Também: Grávida, Meghan Markle é vista a passear com o filho em Los Angeles

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.