Diogo Valsassina está a passar por um momento muito complicado da sua vida. Como o próprio informou nas redes sociais, faz hoje duas semanas que o ator perdeu o seu pai de “forma inesperada”, “de repente” e “sem aviso”.

“Sinto-me tão vazio e tão cheio de tudo que é impossível pôr em palavras a dor que sinto. O meu pai era um homem bom, querido por todos que o conheciam, um lutador que fez sempre o possível e o impossível para a minha mãe, eu e o meu irmão termos a vida que ele achava que merecíamos. Era um homem sensível e ternurento. Tão ternurento. Tão querido. Era o meu melhor amigo. Foi o primeiro! O meu primeiro amigo e o mais importante de todos”, afirma na legenda de uma fotografia do progenitor.

“E se há uma coisa que percebi, com esta situação de merda toda, é que não devemos deixar nada por dizer. É um clichê mas é verdade. Abracem e cuidem dos vossos sempre. E amem. O amor é tão importante. Acho que essa foi a lição mais importante que o meu pai me deixou. Ele amava tanto a sua família. Tanto. E esse amor vai viver em mim para sempre, até ao dia em que eu e ele nos voltemos a encontrar”, continua.

“O meu pai vive em mim agora, e no meu irmão e na minha mãe. Foi o melhor pai que eu podia ter pedido e eu vou ter tantas tantas tantas saudades dele. Tantas. A vida vai continuar mas inevitavelmente de uma forma diferente. A única coisa que nunca vai mudar é o amor que nós sentimos por ele. Esse é para sempre.

Amo-te tanto meu pai e vou estar cá sempre para ajudar a mãe e o mano e para os fazer felizes como eu sei que tu querias e farias”, completa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.