Os filmes sobre celebridades estão na moda. Numa altura em que se anunciam novas produções cinematográficas para recordar a vida e a carreira de nomes como os Bee Gees, David Bowie, Boy George e Elvis Presley, na linha das que estrearam no último ano sobre Freddie Mercury e Elton John, o produtor britânico Graham King acaba de confirmar que adquiriu os direitos para transpor a vida de Michael Jackson para o cinema. O argumento foi confiado a John Logan.

Os herdeiros do intérprete de "Bad", "Thriller" e "Beat it", a mãe e os três filhos, chegaram a acordo com o presidente da GK Films. Muitos admiradores temem, contudo, que a família do artista se queira imiscuir no guião, aproveitando o filme para branquear a sua imagem, à semelhança do que aconteceu com "Bohemian rhapsody", que suscitou muitas críticas em relação à veracidade de alegados episódios apresentados na longa-metragem sobre os Queen.

De acordo com o site norte-americano Deadline, o filme mostrará a infância difícil do eterno rei da pop, os primeiros anos de glória com o Jackson 5 e o início da sua carreira a solo, sem esquecer os muitos escândalos em que o cantor, viciado em cirurgia estética, se viu envolvido ao longo da carreira. Nascido a 29 de agosto de 1958, Michael Joseph Jackson foi uma das maiores figuras musicais mundiais das décadas de 1970, 1980 e 1990. Morreu com 50 anos, em 2009.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.