Jean-Claude Van Damme foi duramente criticado devido a uma entrevista concedida ao programa 'On n'est pas Couché' onde debateu com a secretária de Estado para a Igualdade entre Mulheres e Homens em França, Marlène Schiappa, problemas relacionados com a igualdade de género.

“Há mulheres que gostam de trabalhar, como você, e que sabem ao mesmo tempo cuidar de seus filhos. Há mulheres que gostam de ficar em casa para cuidar das crianças. Mas se todas as mulheres trabalhassem, quem ficaria com os pequenos em casa? É preciso seguir o seu movimento sem impor a outras mulheres aquilo que você gosta de fazer”, afirmou o ator no programa, acrescentando ainda que é o homem o responsável pelas despesas familiares.

O tema mudou mais à frente na conversa, mas a discórdia manteve-se. Particularmente quando Van Damme deu a sua opinião sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo. “Os homens casam, as mulheres casam, os cães casam… Todos casam e todos se divorciam!”, acrescentou, sendo de imediato repreendido por Marlène Schiappa. “Precisamos de apoiar essas pessoas em vez de as ridicularizar ao dizer que são como cães”.

A polémica conversa entre Van Damme e a secretária de Estado levou o ator a dar entrevista ao Morandini Live, onde explicou o sucedido e afirmou ter sido mal interpretado. “Já não nos podemos divertir na televisão (…) Eu não tenho nada contra os homossexuais, nem contra as mulheres, nem contra os cães. A vida é bela, tudo é impecável. Todos estes rumores são coisas inventadas pela televisão”, justificou.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.