Ainda não é desta que Cristiano Ronaldo vai começar a sua carreira no cinema. O jogador era o nome indicado para participar num filme de Martin Scorcese. Ronaldo iria retratar a história do empresário italiano Alessandro Potro.

No entanto e de acordo com o jornal 'Sport', Ronaldo foi rejeitado pela produção do filme e por isso poderá vir a receber uma indemnização de 10 milhões de euros como forma de compensação.

A justificação para a 'exclusão' é simples. "O papel que Ronaldo teria que fazer em 'O Manipulador' exige um ator profissional", afirmou o empresário italiano.

Assim sendo, a personagem ficará a cargo de Channing Tatum.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.