Colin Farell tem uma carreira de excelência no que diz respeito ao mundo da representação, no entanto, é na sua vida pessoal que o ator consegue apreciar as suas maiores conquistas.

Durante uma entrevista à revista People a propósito do seu novo projeto - ‘The Killing of a Sacred Deer’, o artista teve a oportunidade de falar sobre o momento especial, nomeadamente, quando viu o filho a dar os primeiros passos. Agora com 13 anos, na altura o menino tinha quatro e batalhava contra os efeitos de uma doença rara genética conhecida como Síndrome de Angelman, que causa problemas de desenvolvimento motor (entre outros sintomas).

"Quando o James deu os seus primeiros passos duas semanas após o quarto aniversário foi bastante surpreendente e humilde de ver", recorda. "As pessoas falam sobre as crianças a darem os primeiros passos, é obviamente um momento monumental e foi representado no cinema, mas seres informado que o teu filho pode nunca dar os primeiros passos e então vê-los é apenas um tipo de aventura diferente", explica Farrell.

A estrela é ainda pai de Henry, de sete anos.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.