Channing Tatum confessou o enorme medo que sentiu quando se tornou 'pai solteiro'. O ator revelou que temeu não conseguir criar uma ligação com a filha mais velha, Everly, de oito anos, após a separação de Jenna Dewan, em 2018. O artista ficou preocupado com a possibilidade de não conseguir preencher o vazio deixado pela ex-companheira quando estava sozinho com a filha.

"Sei que gosto de representar e brincar ao faz de conta e com coisas mágicas, mas não sabia se iria ser capaz de me conectar com ela, especialmente agora, que sou 'pai solteiro'", revelou numa entrevista à revista VMAN.

"Fiquei com medo a dobrar. Iria ser capaz de fazer alguma das coisas que uma mãe faria?", questionou na altura.

Contudo, o artista, de 41 anos, rapidamente percebeu que apenas precisava de ser guiado pela filha e que as coisas iriam acabar por voltar naturalmente ao seu lugar.

"Percebi que tudo o que tinha de fazer era entrar no mundo dela e fazer tudo o que ela queria", completou.

Recorde-se que no ano passado Channing lançou o seu primeiro livro para crianças intitulado 'The One and Only Sparkella', inspirado precisamente na filha. Em maio lançará a continuação da história.

Leia Também: O regresso de 'Magic Mike': Channing Tatum confirma 'a última dança'

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.