John Bailey, o atual presidente da Academia dos Óscares, juntou-se às inúmeras personalidades de Hollywood investigadas por casos de assédio sexual.

De acordo com a Variety, a Academia recebeu três queixas contra o cineasta e diretor de fotografia, que trabalhou em filmes como ‘Silverado’ (1985) e ‘Na Linha de Fogo’ (1993).

Recorde-se que desde que Bailey assumiu funções, em agosto de 2017, existiu uma mudança radical na forma como a organização passou a lidar com os casos de assédio sexual. Harvey Weinstein foi expulso da Academia e foi criado um novo código de conduta.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.