Em coma induzido no Hospital Garcia de Orta, em Almada, na sequência de uma infeção alegadamente causada pela infiltração de substâncias anabolizantes, Ângelo Rodrigues está estável, mas continua com prognóstico reservado, a lutar pela vida na unidade de cuidados intensivos do estabelecimento hospitalar. O ator de 31 anos tem estado a fazer hemodiálise e já sofreu uma paragem cardíaca, que os médicos conseguiram reverter.

Ângelo Rodrigues pode sofrer nova paragem cardíaca "a qualquer momento", alerta médica
Ângelo Rodrigues pode sofrer nova paragem cardíaca "a qualquer momento", alerta médica
Ver artigo

As três intervenções cirúrgicas a que o rosto da SIC foi submetido nos últimos dias deixaram-lhe, contudo, muitas marcas. "Abriram-lhe uma série de buracos no corpo para retirar tecidos necrosados. Se ele sobreviver, não vai gostar do que vai ver quando se olhar ao espelho", lamentou ao Modern Life fonte próxima do artista.

A CMTV e a revista Nova Gente avançaram, entretanto, que esta não foi a primeira vez que Ângelo Rodrigues teve de recorrer àquela unidade hospitalar por causa do alegado uso abusivo de substâncias anabolizantes.

"Há dois anos, terá sido tratado por causa de uma pedra no rim, na sequência do consumo destas substâncias", assegura o programa "Rua segura". Em entrevista a outro programa do canal, a médica endocrinologista Sílvia Saraiva antecipou cenários. "Esses tecidos têm que ser removidos porque é lá que as bactérias gostam de se alojar. Os médicos agora têm que lhe tratar a infeção [e] escolher o antibiótico certo", afirmou.

"Como ele tem uma baixa de volémia, tem menos irrigação global, é [preciso] o antibiótico chegar ao corpo todo. Para isso, tem que ser bem hidratado porque, neste momento, já não é só aquele local que está infetado, é todo o corpo e, depois, é a parte cardíaca, que tem de estar sempre a ser monitorizada", diz. "Ele já teve uma paragem e pode ter outra. Não há nenhuma segurança", garante a médica endocrinologista.

"A qualquer momento, pode sofrer uma nova paragem", alerta ainda a especialista. Ângelo Rodrigues, nascido no Porto, a 9 de setembro de 1987, estreou-se na televisão com a telenovela "Doce fugitiva", emitida pela TVI entre outubro de 2006 e setembro de 2007. O também cantor lançou o seu primeiro álbum, "Angel-O", em 2012. As viagens são, a par da música e da representação, outra das grandes paixões do ator.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.