Há 15 anos, não se falava noutra coisa. As cenas ousadas protagonizadas por Soraia Chaves e por Jorge Corrula em "O crime do padre Amaro", que ainda estão na memória de muitos, fizeram, na altura, correr muita tinta. O filme realizado por Carlos Coelho da Silva a partir do argumento adaptado que a guionista Vera Sacramento fez do popular romance homónimo que Eça de Queirós escreveu em 1875, estreou nas salas de cinema nacionais a 27 de outubro de 2005.

Uma década e meio depois, o casal volta a fazer par romântico, agora em "Serra", o nome provisório da nova telenovela da autoria da argumentista Inês Gomes que a SIC se prepara para começar a gravar na primeira quinzena de novembro. A notícia é avançada na edição desta semana da revista TV 7 Dias. A estreia está prevista ainda para este ano. O filme, coproduzido pela SIC em parceria com a produtora Utopia Filmes, marcou a estreia dos dois atores no cinema.

A longa-metragem, que entre 2005 e 2015 foi a produção nacional mais vista de sempre no cinema, atraiu mais de 380.000 espetadores. Atualmente, ocupa o segundo lugar, atrás do remake que o realizador Leonel Vieira fez de "O pátio das cantigas", que superou os 600.000 em 2015. Meses depois da estreia, a SIC exibiu "O crime do padre Amaro" em formato minissérie, com cenas inéditas. Portugal indicou-o para o melhor filme estrangeiro nos Óscares de 2006.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.