As conclusões são do estudo* Global Dust Study realizado anualmente pela Dyson e que revela dados interessantes sobre os hábitos e comportamentos de limpeza dos portugueses comparativamente com outras nacionalidades.

Quando se trata de ter uma casa limpa e sem vírus, 42% afirma proceder à sua limpeza com tanta ou mais frequência do que face a 2021, uma percentagem mais baixa do a registada a nível global (53%), sendo que 31% apenas o faz devido ao pó e sujidade visível no chão das divisões. Por outro lado, dos 33 países participantes Portugal foi quem arrecadou a percentagem mais alta - 66% - ao afirmar que limpa a casa por esta ser uma tarefa que faz parte da sua rotina. A Arábia Saudita (45%) e os Emirados Árabes Unidos (43%) estão no topo da lista quando o tema é limpeza da habitação.

Quando questionados sobre a aspiração de espaços da casa, o sofá é sítio que é alvo de uma maior limpeza (48%), seguido das cortinas e persianas (35%) e do colchão (27%). O estudo revela ainda que Portugal é um dos países com uma maior perceção dos malefícios e das consequências do pó para a saúde humana, mas o mesmo não se verifica no caso dos animais de estimação.

Apesar de existirem cada vez mais famílias com animais em casa - 50% a nível mundial contra 63% a nível nacional -, é possivel verificar que os portugueses nao estão conscientes dos riscos a que estão expostos diariamente pelos seus amigos de quatro patas: 64% dos donos desconhecem que estes podem transportar pólen e 76% não sabem que podem transportar vírus e fezes de ácaros.

Para limpar o pó doméstico, os panos húmidos e os aspirados são os métodos que conquistaram mais a nível global, com 67% e 66% respetivamente, sendo que 87% dos portugueses preferem o aspirador de forma a manter a casa limpa e higienizada.

*O Dyson Global Dust Study 2022 é um inquérito online de 15 minutos no qual participaram 32.282 inquiridos de 33 países: EUA, Canadá, México, Países Baixos, Irlanda, Portugal, Espanha Austrália, Japão, China, Coreia do Sul, França, Grã-Bretanha, Alemanha, Itália, Turquia, Bélgica, Dinamarca, Noruega, Suécia, Polónia, Áustria, Suíça, Arábia Saudita, Rússia, Emirados Árabes Unidos, Índia, Hong Kong, Tailândia, Malásia, Taiwan, Filipinas e Singapura. O inquérito foi realizado entre 14 de fevereiro e 7 de março de 2022 e os dados e o número de participantes foram ponderados globalmente para serem representativos, apesar da diferente densidade populacional de cada país.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.