Plante bolbos um pouco por todo o lado. Nas bordaduras, nos canteiros, nos vasos, nas floreiras e até no interior de sua casa, em todo o lado! É das tarefas mais fáceis e mais motivadoras da jardinagem mas implica termos (alguma) paciência para esperar. "Plantamos agora, nas últimas semanas do ano, mas, na melhor das hipóteses, eles só despertam a partir do início de fevereiro", sublinha, contudo, Teresa Chambel, arquiteta paisagista, diretora da revista Jardins.

O que deve saber antes de plantar bolbos

Quase todos os bolbos podem ser plantados neste período para garantirmos que têm o período de frio suficiente para conseguirem germinar depois, lá mais à frente. "Escolha plantas bolbosas diferentes e combine-as entre si. Misture as mais aromáticas, como as frésias, os crocos, os jacintos e os narcisos, com as que têm florações exuberantes, como as tulipas e os muscaris", aconselha ainda a blogger, autora de vários livros de jardinagem à venda no mercado.

No momento da aquisição, não pegue no primeiro que lhe aparecer. Escolha bolbos que tenham sido embalados recentemente e tenha cuidado com aqueles em que pega. "Devem ser rijos, nunca ocos. E também não devem ter manchas ou buracos", alerta a especialista. "Deve plantá-los a uma profundidade duas ou três vezes o seu diâmetro", aconselha. Para plantar os seus bolbos, vai precisar de uma pá, de um regador, de vasos ou floreiras e de substrato adequado.

"Também necessitará de argila expandida, de geotêxtil, de um plantador de bolbos e de bolbos vários para empreender esta tarefa", afirma a autora de "Um jardim para cuidar" e "Um jardim dentro de casa", dois livros de jardinagem publicados pela editora A Esfera dos Livros. "No caso dos bolbos para a época mais fria do ano, sugiro que opte pelos crocus, pelas frésias, pelos jacintos, pelo muscari, pelos narcisos e/ou ainda pelas tulipas", recomenda a especialista.

Como fazer para plantar em vaso

Estes são, segundo Teresa Chambel, os oito passos a seguir para alcançar melhores resultados:

1. Disponha uma camada de argila expandida no fundo do vaso.

2. Coloque o geotêxtil entre a argila e o substrato.

3. Adicione uma segunda camada de substrato.

4. Coloque os bolbos de maior diâmetro.

5. Cubra com o substrato.

6. Coloque, seguidamente, os bolbos mais pequenos, desencontrados com os de baixo.

7. Cubra com substrato e proceda da mesma forma para todas as camadas, sucessivamente.

8. Tape totalmente, garantindo que os últimos bolbos estão enterrados a uma profundidade de, pelo menos, o dobro do seu diâmetro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.