Esta é uma tarefa que deve fazer no inverno para garantir um bom desenvolvimento e floração na primavera e no verão. Este tipo de divisão permite a obtenção de plantas com características muito parecidas com a planta mãe e pode ser feito com muitas plantas herbáceas. Sugiro que divida já os agapantos, clorófitos, gazânias e malmequeres-africanos. Esta é uma operação simples, de grande sucesso e que deve fazer sempre que as plantas estiverem muito apertadas nos vasos, nas floreiras ou na terra.

Esta intervenção também é recomendada quando se percebe que a floração é cada vez menos intensa e menos prolongada, como muitas vezes tende a suceder. Estes são, assim, alguns dos principais cuidados e preocupações a ter na divisão destas plantas nesta época do ano:

- O solo deve estar húmido.

- Utilize uma pá para desenterrar a planta com um bom torrão para não danificar a raiz.

- Separe a planta em partes iguais; pode separar com a mão ou com recurso a um canivete.

- Reduza um pouco a parte aérea para diminuir o stresse e a evapotranspiração da planta.

- Plante com um afastamento de pelo menos 30 a 40 cm para permitir um bom desenvolvimento das plantas.

- A base da planta deve ficar completamente enterrada para fomentar um bom enraizamento.

Aproveite o inverno para dividir as plantas e poupe dinheiro

4 plantas a investir nesta altura

Estas são algumas das variedades botânicas que deve considerar:

1. Agapantos

De nome científico Agapanthus praecox, com floração azul ou branca prolongada, que se estende pela primavera e pelo verão, os agapantos são resistentes e formam maciços e bordaduras altas (até um metro) muito bonitos e com pouca necessidade de manutenção.

As folhas fazem uma excelente cobertura do solo, não deixando espaço para o desenvolvimento de plantas infestantes. Os agapantos gostam de sol ou meia-sombra e desenvolvem-se preferencialmente em solos húmidos e ricos em matéria orgânica.

2. Clorófitos

Batizados Clorophytum comosum pelos cientistas, são muito utilizados no interior da casa, pois são plantas purificadoras do ar. São uma excelente forma de cobertura de solo em zonas com sol ou meia-sombra, debaixo de árvores, em taludes, vasos ou floreiras. Gostam de solos férteis e de regas regulares. Têm uma floração branca discreta na primavera.

Aproveite o inverno para dividir as plantas e poupe dinheiro

3. Malmequer africano

A variedade Osteospermum ecklonis é uma espécie de malmequer que tem a particularidade de as flores fecharem à noite, logo necessita de zonas com muito sol, solos bem drenados e regas regulares. Tem uma floração prolongada e com cores muito variadas. Muito fácil de manter, é ideal para maciços, bordaduras, floreiras e vasos grandes.

4. Gazânias

As Gazania rigens, como os cientistas as batizaram, também integram esta lista. Tal como a malmequer africano, também a gazânia gosta de muito sol, pois as suas flores fecham à noite. Ideal para zonas com sol e calor, uma vez que é resistente à secura, também se adequa a taludes, bordaduras, vasos e floreiras de vários tamanhos. Tem uma floração muito prolongada e a taxa de sucesso com a divisão da planta é muito elevada.

Aproveite o inverno para dividir as plantas e poupe dinheiro

Textos: Teresa Chambel (arquiteta paisagista, blogger especializada e diretora da revista Jardins)

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.