Todos nós temos desejos de crescimento na vida enquanto pessoas e profissionais. Este desejo é normal e necessário, mas há certas desculpas que damos em algumas situações e são essas desculpas que nos impedem de agir. Se está à procura de um novo emprego, se quer criar um negócio seu ou apenas escolher um hobby, os objetivos começam a formar-se na sua cabeça com a mesma velocidade com que surgem pensamentos negativos que lhe mostram que não deve ir em frente.

Embora cada caso seja diferente do outro e não haja um padrão de comportamento nestas situações, há algumas desculpas que a maioria das pessoas costuma dar. Veja quais são e também quais as dicas para reverter isso e conseguir realizar os seus sonhos e metas:

1 - A espera pelo momento certo

Agenda cheia, pouco dinheiro, muita responsabilidade? Estes são 3 pontos que entram para a lista de motivos pelos quais não é possível começar um novo projeto. Mas, na realidade, nunca há um momento certo porque haverá sempre haverá um obstáculo.

Como contrariar este pensamento?

Aceitar e assumir a responsabilidade da sua vida, descobrir qual é o real motivo pelo qual não pode começar – se é que ele sequer existe. É preciso esforçar-se para diminuir essas desculpas e pode fazer isso ao definir prioridades na sua agenda ou ao controlar os gastos. Desta forma consegue ganhar tempo e dinheiro para investir nos seus objetivos.

2 - O facto de achar que se é muito novo ou velho

Criar cronogramas para a vida é a pior coisa que pode fazer. As ideias pré concebidas de que se deve terminar a faculdade antes dos 25 anos, casar-se antes dos 30, ter filhos antes dos 35 e por aí fora já são completamente desatualizadas. É destrutivo basear o que pode ou não pode fazer de acordo com a idade. Se decidir mudar-se para de trabalho aos 50 anos ou voltar para a faculdade com 33, nunca é cedo demais ou tarde demais. A idade não é um nem deve ser um fator decisivo.

Como contrariar este pensamento?

Deixe de ter medo do que outros vão pensar, não compare a sua vida com a das outras pessoas e comece a criar um plano para o que deseja fazer e como deve aplicá-lo.

3 - O medo de falhar

O medo do fracasso é esmagador, impede-nos de correr riscos e mantém-nos na nossa zona de conforto. Embora a ideia do fracasso possa ser desencorajadora, a liberdade que vem com o abandono deste medo permite que os obstáculos sejam superados.

Como contrariar este pensamento?

Corrigir a sua atitude, reconhecer por que acha que não pode atingir o seu objetivo e tomar medidas para se tornar mais confiante nessa área, como por exemplo fazer formação numa área específica, criar um cronograma e segui-lo.

4 - Nunca saber por onde começar

É natural dizer que a parte mais difícil de tentar explorar o desconhecido é ter o conhecimento (e coragem) para dar o primeiro passo. Mas é preciso começar por algum lugar. Em vez de se concentrar no caminho certo ou errado, decida seu curso de ação e vá. Alguns dos melhores momentos podem estar exatamente no caminho que você escolher.

Como contrariar este pensamento?

Pesquisar mais sobre o seu objetivo e criar um plano para alcançá-lo, ligar-se a mais pessoas que atingiram um objetivo similar e não se sentir envergonhado por pedir ajuda.

5 - Sentir que não é bom o suficiente

Com as expectativas que cada um define para si mesmo e as realizações dos outros vistas através das redes sociais, é comum que haja mais frustração pelo que não foi feito do que orgulho pelo que já foi feito. Por isso é injusto que faça comparações com quem tem uma jornada diferente. Para evitar entrar neste ciclo tóxico, é importante transformar o desânimo e não permitir que as influências dos outros impeçam de criar o que se deseja.

Como contrariar este pensamento?

Ser honesto consigo mesmo e descobrir porque se sente inferior, programar momentos para se afastar um pouco das redes sociais e conseguir estar ligado, de forma real, com quem mais admira e que pode ajudá-lo a atingir o seu objetivo.

Saiba que todos nós em alguma altura da vida duvidamos do nosso potencial, mas a verdade é que da mesma forma que a mente nos empurra para concluir os projetos, ela também nos desencoraja a começá-los. Não há melhor dica do que se manter sempre do lado positivo da sua mente, manter-se fiel a si mesmo e focar os seus objetivos para conseguir efetivamente atingi-los.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.