Durante a amamentação há fármacos que não se devem ou não se podem tomar? Esta é uma dúvida que, de certo, muitas mães. Maria Augurta Soares, professora na Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa, esclarece esta questão, para que fique descansada com a sua saúde e com a do seu filho.

De acordo com a especialista, há medicamentos que a mulher ao amamentar não deve tomar e outros que podem ser tomados com precaução.

Além desses, existem ainda outros ainda que podem ser administrados sem problema. As limitações resultam do facto de algns se distribuírem pelo leite materno, sendo eliminados através dele, o que implica que o bebé o ingira, podendo sofrer os seus efeitos. É o caso dos que mais atuam no sistema nervos, como calmantes, antialérgicos e antiepiléticos, entre outros.

Há casos em que pode ser necessário optar entre a amamentação feita antes da toma e suspendida por algumas horas. Este período varia em função do tempo que o medicamento está no organismo e da concentração que atinge no leite. Na opinião da especialista, a mulher deve perguntar so seu médico ou farmacêutico se pode amamentar durante o tratamento, de forma a certificar-se de que não corre riscos.

Revisão: Maria Augurta Soares (professora na Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa)

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.