Ao regressar, ao início da tarde de hoje, da Bélgica, onde se reuniu com o seu homólogo Alexander De Croo, Castex soube que uma das suas filhas, de 11 anos, tinha testado positiva.

De imediato, “fez um teste PCR, que resultou positivo”, avançaram os seus serviços, em Matignon, à AFP.

A sua agenda “vai ser gerida nos próximos dias para que possa continuar as suas atividades, apesar de se manter em isolamento”, durante 10 dias, acrescentaram aquelas fontes.

Castex, com 56 anos, recebeu duas doses da vacina na primavera, nunca tinha testado positivo, apesar de já ter estado em contacto com casos positivos por três vezes.

Antes dele, o presidente francês, Emmanuel Macron, testou positivo em dezembro de 2020.

Vários ministros também já contraíram o vírus, como o da Economia, Bruno Le Maire, ou a da Cultura, Roselyne Bachelot.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.