A propósito do Dia Mundial das Hepatites, que se assinala na quinta-feira (28.07), a Organização Mundial da Saúde divulgou dados que mostram que 400 milhões de pessoas vivem com diabetes no mundo e que 95% dos infetados desconhece a doença.

Em Portugal, os números da Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed), que reportam a 1 de julho, contabilizam 7.840 tratamentos iniciados.

Do total de utentes que já finalizaram o protocolo de tratamento, 3.005 encontram-se curados e há 122 doentes dados como não curados.

O acordo entre o Estado e o laboratório que fornece os fármacos inovadores para a hepatite C foi formalizado há quase um ano e meio, mas os dados do Infarmed abrangem também outros doentes tratados por medicamentos fora do âmbito deste acordo.

O contrato – assinado por dois anos – prevê o pagamento por doente tratado e não por tempo de tratamento ou quantidade de medicamentos. A comparticipação do Estado português nos medicamentos abrangidos é de 100%.

O universo dos doentes potencialmente abrangidos foi definido em 13 mil pessoas, um número que poderá ter oscilações, porque alguns doentes podem não precisar destes fármacos ou outros novos podem registar-se.

Portugal com acesso à terapêutica sem igual na Europa

"Portugal tem um acesso à terapêutica sem paralelo na Europa, com o custo integralmente suportado pelo Estado", considera Armando Carvalho, médico e membro do Núcleo de Estudos das Doenças do Fígado da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna.

Numa visão do total de infetados em Portugal "concluímos que existem seguramente muitos doentes por diagnosticar, impondo-se uma estratégia de rastreio dirigido a grupos com maior probabilidade de infeção, de modo a levar o benefício do tratamento ao maior número possível de doentes", comenta o especialista.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.