O DOC+Vida é um projeto que pretende englobar toda a sociedade, seja através de empresas, associações ou em nome particular, transmitindo a importância da Cardioproteção e, de forma cívica, melhorar a saúde pública em Portugal através de: seminários de sensibilização e esclarecimento sobre a cardioproteção; formações e workshops de Suporte Básico de Vida (SBV) e de DAE (Desfibrilhador Automático Externo); conferências sobre hábitos de vida saudáveis a empresas e jornadas sobre alimentação para um coração saudável nas escolas.

Ao todo, foram feitas sete ações de sensibilização, nomeadamente com a Junta de Freguesia de Figueiró da Granja (Fornos de Algodres), com o Centro de Alto Rendimento das Caldas da Rainha e Federação Portuguesa de Badminton, com o Agrupamento de Escolas n.º1 de Elvas, na Douro Cup2018, nas III Jornadas da Solidariedade (Guarda), no Bairro da Abrunheira (Portalegre), e no Torneio Internacional de Basquetebol da Associação de Basquetebol do Porto.

Ao todo, 4710 pessoas foram sensibilizadas para a importância das manobras de Suporte Básico de Vida e de Desfibrilhação Automática Externa.

Para Miguel Martins, responsável pelo projeto DOC na Almas Industries, “dotar as pessoas de ferramentas que possam salvas vidas é um imperativo”.

“Todos os anos, morrem cerca de dez mil pessoas em Portugal devido a paragem cardiorrespiratória. Saber como agir num momento de emergência é crucial. Esperamos, por isso, dar continuidade ao projeto DOC+Vida em Portugal e chegar a cada vez mais pessoas. É nosso dever sensibilizar e é o dever de todos estarem aptos a ajudar”, sublinha.

Até final do ano, o projeto DOC+Vida deverá chegar a cerca de mais mil pessoas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.