Em declarações aos jornalistas após acompanhar o Presidente da República numa visita ao hospital onde ainda estão internados sete doentes que estiveram em contacto com a 'legionella', Adalberto Campos Fernandes afirmou que o surto entrará agora na fase descendente, tendo atingido o número máximo de casos - quinze.

O que é a legionela?
O que é a legionela?
Ver artigo

A partir de março estará em curso um plano, a que todos os hospitais que quiserem podem aderir, com vista a ajudá-los a fazer melhor o que já fazem em "prevenção e deteção precoce" de riscos de contágio com a 'legionella'.

Adalberto Campos Fernandes referiu que o risco nunca será zero, mas é para aí que tem que se dirigir e o plano servirá para "apertar a malha um pouco" e garantir que as instituições de saúde, que já têm os seus próprios mecanismos de controlo, estão "motivadas e orientadas" para as aplicar.

Apesar de ser privado, o CUF Descobertas já manifestou a vontade de aderir a este plano, acrescentou o ministro, referindo que a 'legionella' pode atacar em qualquer lugar, independentemente "do direito das instituições". "O dispositivo de saúde pública funciona", garantiu, afirmando que pode fazer-se mais, como o Governo defende na proposta de lei para "retomar os mecanismos de prevenção suprimidos em 2014".

22 doenças muito estranhas
22 doenças muito estranhas
Ver artigo

Precipitado avançar com conclusões, diz ministro

Quanto à explicação para o surto do CUF Descobertas, considerou que seria precipitado avançar com conclusões antes de terminado o trabalho da Inspeção Geral das Atividades da Saúde e da Entidade Reguladora da Saúde na reconstituição do contágio.

Nesta visita ao hospital, seguia também Presidente da República que defendeu que é preciso repensar todos os setores da saúde, não só debatendo o que cabe a cada um mas vendo se há capacidade para responder a todas as necessidades.

Portugal registou no ano passado 233 casos de infeção por legionela, sendo 174 casos isolados e 59 do surto do hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, que provocou cinco mortos.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.