Segundo a Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, estão abrangidos um lote de soro glucosado isotónico e outro de soro fisiológico, assim como seis lotes de Metronidazol Iv Braun.

Segundo explica o Infarmed, a decisão surgiu depois de ter sido detetado “um defeito de qualidade referente a uma contaminação cruzada dos recipientes da embalagem primária de medicamentos para perfusão”.

Além da suspensão imediata da distribuição, o Infarmed avisa que as entidades que possuam estes lotes de medicamento em stock não os podem vender, dispensar ou administrar, devendo devolve-los.

Os doentes que estejam a utilizar medicamentos pertencentes a estes lotes de medicamentos não devem interromper o tratamento, mas sim contactar o médico para o substituir por outro lote ou por um medicamento alternativo.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.