“Neste momento, a população está sem qualquer cobertura de saúde, sem cuidados médicos, nem sequer de enfermagem. Consultas da diabetes, hipertensão, saúde infantil e planeamento familiar, ou rastreio oncológico, todo esse tipo de vigilância médica deixou de ser feito e a população vê-se desesperada”, descreveu à Lusa António Nabais.

10 conselhos de um médico para ter uma saúde de ferro
10 conselhos de um médico para ter uma saúde de ferro
Ver artigo

Para aquele dirigente da Comissão de Utentes de Saúde de Aveiro, a ausência de médico na extensão de saúde de São Jacinto está a gerar “situações extremamente graves”, pois há utentes que “quase há um ano que não têm consulta de diabetes” e quem anda em vigilância médica “não sabe onde se dirigir para levar o seu historial clínico”.

António Nabais salienta o isolamento de São Jacinto: “é quase uma ilha e por terra são cerca de 60 quilómetros até Aveiro”.

Mais de 50% da população é envelhecida

“Mais de 50% da população é envelhecida e depara-se com esta situação. Os mais velhos foram ficando, mas com a idade a mobilidade já não é a mesma e ficam limitados aos cuidados médicos que existam em São Jacinto e que têm sido muito poucos”, refere.

Há um ano a comissão de utentes soube que o médico tinha requerido a aposentação e pediu uma reunião com o diretor executivo, “o qual garantiu que mal o médico fosse aposentado estava prevista essa situação”.

“O que aconteceu quando o médico foi embora foi que não foi substituído e mais uma vez, em novembro, a comissão de utentes entrou em ação e reuniu com o diretor executivo atual, que o mais que conseguiu foi requisitar a meio tempo uma médica para São Jacinto”, conta António Nabais.

Para aquele membro da Comissão, era uma solução precária e insuficiente: “havia dias em que só dava quatro consultas e as pessoas vinham às cinco da manhã, sem abrigo, à chuva e ao vento, para tentarem ter consulta”

“Agora não temos médico. Há pessoal que precisa de medicação, de vigilância, e nunca pensámos que chegasse a este ponto”, disse, justificando o protesto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.