O laboratório farmacêutico americano Pfizer anunciou nesta segunda-feira (17) a aquisição da Array BioPharma, uma empresa de biotecnologia especializada em medicamentos contra o cancro, a última operação de uma longa lista de fusões recentemente concluídas neste setor.

Pfizer informou em comunicado que ofereceu 48 dólares por cada ação da Array, de modo que o valor da empresa seria de 11,4 mil milhões de dólares.

12 alimentos com muito ácido ascórbico. O seu sistema imunitário agradece
12 alimentos com muito ácido ascórbico. O seu sistema imunitário agradece
Ver artigo

"Os conselhos de ambas as empresas aprovaram a fusão", comunicou a Pfizer.

A aquisição "prepara o terreno para a potencial criação de uma líder da indústria para o cancro colorretal com a experiência já existente da Pfizer nos tratamentos dos cancros de mama e próstata", declarou o diretor-executivo da Pfizer, Albert Bourla.

Potencial na oncologia

A carteira da Array inclui dois medicamentos que, combinados, são eficazes para tratar um mecanismo responsável por 15% dos casos de cancro colorretal, indicou a Pfizer.

A Comissão Europeia autorizou o uso deste tratamento em setembro, meses após a administração norte-americana fazer o mesmo.

A operação mostra como as empresas farmacêuticas estão a apostar na biotecnologia para crescer, muitas vezes pagando quantias astronómicas.

Em janeiro, a Bristol-Myers-Squibb adquiriu a Celgen por 74 mil milhões de dólares.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.