Segundo o Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental (CHLO), que o Egas Moniz integra, a unidade hospitalar detetou na segunda-feira um surto num dos serviços de internamento e transferiu para uma enfermaria COVID-19 do mesmo centro hospitalar os doentes positivos.

Os doentes negativos da mesma área de internamento estão “em isolamento de quarentena” no Egas Moniz, acrescenta o CHLO na resposta enviada à Lusa.

Até ao momento não foi possível saber quantos doentes testaram positivo e foram transferidos.

Na resposta enviada à Lusa, o CHLO diz que “todos os profissionais envolvidos estão a ser testados”, havendo pelo menos 11 positivos, um dos quais “sintomático leve”.

O CHLO inclui os hospitais Egas Moniz, S. Francisco Xavier e Santa Cruz.

Portugal contabiliza pelo menos 1.568 mortos associados à covid-19 em 41.912 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.