A Vans reconhece o movimento Pride como um momento global inspirador de autoexpressão autêntica e celebra orgulhosamente o espírito e as identidades impulsionadoras da comunidade LGBTQ+.

Para comemorar este Mês do Orgulho 2021, a Vans iniciou algumas ações no sentido de apoiar a comunidade LGBTQ+ como filosofia impulsionadora da igualdade e do progresso, através de doações a instituições globais como a GLSEN, a Casa 1, a Tokyo Rainbow Pride e a Where Love is Illegal (saiba mais aqui).

Where Love is Illegal, é um projeto da Witness Change, que procura usar histórias para ligar as pessoas, transformar opiniões e mudar as políticas, obtendo testemunhos pessoais de sobrevivência da comunidade LGBTQ+.

A Vans e a Where Love is Illegal irão fazer parceria com artistas locais da comunidade LGBTQ+ para criarem 45 montras em toda a Europa baseadas nos testemunhos da organização.

Em Portugal, a essência desta parceria marca também presença com a dedicação das montras de duas lojas Vans a dois artistas locais - Joana Estrela e Taylor Catclaw - onde mostram a sua criatividade, amplificam as suas experiências e recriam histórias inspiradoras da comunidade LGBTQ+ através da sua arte.

Joana Estrela, artista e ilustradora, ficará responsável pela montra da loja Vans Vasco da Gama, situada no piso 2 deste centro comercial de Lisboa e explica um pouco sobre a representação gráfica que a inspirou a criar esta instalação.

Joana Estrela
Joana Estrela créditos: Vans

“O triângulo cor-de-rosa foi um símbolo originalmente opressivo, usado nos campos de concentração nazi para distinguir os homens identificados como sendo gay e que, mais tarde, nos anos 70, foi recuperado e usado como símbolo de protesto contra homofobia. Ainda que a imagem agora seja associada ao poder e resiliência da comunidade LGBTQ, considero-o um emblema importante porque também é uma lembrança do passado, e um reconhecimento da perseguição que pessoas LGBTQ+ ainda sofrem no presente.”

Taylor Catclaw, é artista tatuador e terá a montra da Vans Rua Augusta a seu cargo. Aceitou este convite pois, como membro da comunidade LGBTIQ+ e, enquanto pessoa não binária e transmasculina, sente “que é importante aproveitar a minha plataforma e a minha visibilidade, para criar awareness, normalizar o não binarismo e a não heteronormatividade.”

Taylor Catclaw
Taylor Catclaw créditos: Vans

Taylor inspirou-se na diversidade e na união para a criação desta montra, celebrando ainda o sentimento de pertença através desta celebração comunitária. “Temos uma experiência partilhada. Não importa a tua aparência, de onde vens, o lema “Together as Ourselves” é universal.”

A montagem das montras criativas decorreu durante o passado dia 17 de maio, podendo estas serem visitadas até ao final do mês de junho.

Sob forma de apresentação, apoio e divulgação do trabalho destes dois artistas portugueses, a Vans também disponibilizará uma pequena biografia que estará afixada nas respetivas montras.

Também desde de dia 17 de maio, encontra-se disponível em loja, a coleção Pride da Vans, uma coleção de calçado e vestuário concebida para apoiar uma sociedade mais igualitária e inclusiva.

Coleção Pride da Vans:

As silhuetas Vans Classic, incluindo os Classic Slip-On, os Era, os Sk8-Mid e os plataforma Old Skool, irão reinterpretar o icónico padrão checkerboard arco-íris através de execuções estampadas de repetição, padrões integrais e aplicações patchwork em materiais mistos. A gama Pride, além de vestuário e calçado, inclui ainda alguns acessórios.

A coleção Vans Pride vai estar à venda nas lojas Vans, em retalhistas Vans selecionados e online em Vans.pt e em betrendstore.pt.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.