A 44ª edição do Portugal Fashion arrancou hoje com as propostas para a temporada outono/ inverno 2019-20 e já é notória a sua mensagem de alerta para uma moda e planeta mais sustentáveis. Já foram vários os designers que, de alguma forma, tentaram sensibilizar através da sua forma criativa, o flagelo que está a atingir o planeta.

Como já vem sendo habitual, este primeiro dia ficou marcado pela plataforma BLOOM. Esta base de apoio a novos talentos contou com as propostas dos alunos do MODATEX, Sofia Silva e Ashma Karki (vencedoras da 2ª edição do PFN – Concurso Novos Criadores Portuguese Fashion News 2018), Rita Sá, Mara Flora, Maria Vieira e Daniela Pereira.

Mas o apoio aos novos talentos não se fica por aqui. Desta vez a passerelle incluiu dois tipos de desfiles: o BLOOM, já acima referido, para criadores num estado de desenvolvimento profissional e estético mais avançado; e o BLOOM UPLOAD, para criadores que ainda se encontram numa fase embrionário do seu percurso. Este último permitiu aos designers/marcas Carolina Sobral, Arieiv, João Sousa e 0.9 Virus, a oportunidade de apresentarem coleções cápsula.

Com o cair da noite, três nomes de peso definiram tendências na passerelle desta edição: Júlio Torcato que preparou uma performance com suporte de vídeo e áudio em que alerta para os animais em risco de extinção, o ex-bloomer Hugo Costa e Maria Gambina.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.