Dino Alves  inspirou-se na sua história e no percurso que percorreu ao fundir a sua vida rural da província, com a nova vida cosmopolita da cidade. Nesta coleção apresentou peças clássicas, quase “antiquadas”, misturadas com outras mais “avant garde”. Elementos decorativos do universo rural e folclórico aplicados em peças urbanas e street wear. Peças inspiradas no guarda roupa da época que se misturam com peças contemporâneas.

Nos materiais destacam-se as fazendas de lã, poliester, popelines de algodão, viscoses, ganga, lycras, seda, tule, organza, e as sarjas acetinadas.

Na paleta de cores, o preto, roxo, laranja, branco, denim, vermelho, lilás, amarelo, azuis, tons água, rosa, estampado floral, xadrex e as riscas.

Com silhuetas justas e oversized e em simultâneo fluídas e volumosas, o designer nesta coleção apostou também no uso de acessórios como, jóias, cintos e sacos.

Veja as propostas do designer para o próximo outono/inverno 20/21:

Imagens: Ugo Camera/ModaLisboa

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.