Dos 0 aos 3 anos

Clique nas capas para saber mais

"Hora de Deitar, Baltasar!", Yasmeen Ismail

Sabe aquela altura em que é hora de deitar, mas a criança lá de casa tem outros planos? É o mesmo com o Baltasar, um cão maroto que não se quer ir deitar. Fugidio e brincalhão, esconde-se em todo o lado só para não ter de ir dormir. Mas até o Baltasar fica com sono. Uma boa história para mostrar aos pequenotes que depois de um dia inteiro de correrias é preciso dormir.

"A Quinta Barulhenta"

Descobrir e imitar os sons que os animais fazem não só é divertido, como é uma forma de o bebé explorar e reconhecer o mundo à sua volta. Os pais podem ler em voz alta e criar diálogos divertidos, enquanto perguntam qual o som que a vaca ou a galinha faz. E que outros animais haverá na quinta barulhenta?

"Todos no Sofá", Luísa Ducla Soares

Esta é uma história sobre nove amigos que estão num sofá, entre eles um coelho e um elefante. Mas o que acontece quando um deles resolve saltar? E quantos é que ficam no final? Entre rimas divertidas, vamos descobrir como é bom estar com os amigos no sofá.

"Caras Divertidas - Monstros", Jannie Ho 

Um livro muito divertido e interativo, com máscaras pop-up que fazem voar a imaginação ao sabor das carantonhas que vão aparecendo. Um robô, um pirata ou um monstro, podemos ser quem quisermos entre sustos e gargalhadas.

"O Livro com Medo", Cedric Ramadier, Vincent Bourgeau

Vamos aprender a lidar com aquela emoção que faz o coração bater mais forte: o medo. Mas o que fazer quando é o próprio livro que está a tremer de medo? O ratinho da história vai-nos ajudando a tranquilizar o livro, mostrando que não há nada assustador debaixo da cama ou cantando uma canção de embalar.

"A Lagartinha Muito Comilona", Eric Carle 

Esta é a história de um pequeno ovo que descansava numa folha e do qual, numa certa manhã de sol, saiu uma lagartinha magra e esfomeada. Ao mesmo tempo que acompanhamos a caminhada comilona da lagarta, vamos descobrindo os números, os dias da semana e as diferentes frutas, até que fica de barriga cheia.

Dos 3 aos 6 anos

Clique nas capas para saber mais

"O Dia em que os Lápis Desistiram", Drew Daywalt, Oliver Jeffers 

E se, um dia, os lápis de cor fizerem greve? Parece que eles estão zangados com o estado das coisas. O lápis preto está cansado de ser usado apenas para desenhar contornos, o azul já não aguenta pintar mais oceanos, e o amarelo e o laranja já nem sequer falam um com o outro, pois cada um reclama ser a verdadeira cor do sol. E agora? Como é que vamos resolver a situação?

"Estranhas Criaturas", Cristina Sitja Rubio 

Os animais da floresta veem um misterioso cartaz que anuncia uma festa, em que podem dançar e comer bolo de chocolate. Mas quando regressam descobrem que a sua casa foi destruída por umas estranhas criaturas — já não se podem abrigar debaixo das árvores nem obter alimento. Numa história emocionante, revela-se a importância de respeitar e cuidar da natureza.

"O Cuquedo", Clara Cunha, Paulo Galindro 

Um divertido livro em forma de lengalenga sobre o Cuquedo, que anda à solta na selva. Mas... o que é o Cuquedo? Será um pássaro? Será um avião? Parece que é algo muito assustador e que prega sustos a quem fica parado no mesmo sítio. Por isso é que os animais andam todos de lá para cá e de cá para lá. Mas eis que chega o Cuquedo...

A Casa da Mosca Fosca, Eva Mejuto, Sergio Mora 

A história é uma adaptação ilustrada de um popular conto russo, e está recheada de personagens engraçados e rimas muito divertidas. Um belo dia, a Mosca Fosca resolve fazer uma torta de amoras para um lanche com os seus sete amigos. E cada um deles é mais cómico que o outro. Mas... e se aparece um visitante inesperado?

"A que Sabe a Lua?", Michael Grejniec

Será que a Lua é doce ou salgada? Os animais estão supercuriosos e só querem provar um pedacinho. Mas, por mais que se estiquem, não conseguem chegar à Lua, que está muito alta. É então que dão início a um poderoso trabalho de equipa para a alcançar. Quem é que vai conseguir dar uma dentada?

"Ainda Nada?", Christian Voltz

Saber esperar e ter paciência não são coisas fáceis para as crianças. Mas lá diz o ditado que "Quem espera sempre alcança". É o que descobre o protagonista desta história: um dia cava um buraco na terra e deixa cair lá dentro uma semente. Dia após dia, aumenta o desejo de que algo aconteça e que a semente germine. E a ansiedade vai crescendo. Até que, um dia...

Dos 7 aos 11 anos

Clique nas capas para saber mais

"Onde Vivem os Monstros", Maurice Sendak

Onde nos leva o poder da imaginação? É o que Max vai descobrir uma noite quando, vestido com o seu fato de lobo, faz uma série de travessuras ao ponto de a mãe o mandar para o quarto sem jantar. É então que inicia uma aventura até uma terra distante, onde vivem monstros muito peculiares, e dos quais se torna rei. Um clássico da literatura infantil, com maravilhosas ilustrações.

"O Incrível Rapaz que Comia Livros", Oliver Jeffers

Há quem goste de livros, mas o Henrique gosta tanto, mas tanto de livros, que os devora. Literalmente. Ao almoço, ao jantar, com batatas fritas...  E quanto mais livros come, mais esperto fica. Só que um dia, esta estranha paixão começa a correr mal. E em vez de se tornar a pessoa mais esperta do mundo, o Henrique começa a misturar tudo... E tem de fazer dieta. Mas descobre que pode fazer outra coisa com os livros, em vez de os comer.

"Ahab e a Baleia Branca", Manuel Marsol 

Um álbum ricamente ilustrado com um dos mais belos clássicos da literatura: Moby Dick. O capitão Ahab está decidido a caçar a maior e mais branca baleia de todos os mares. Assim, inicia uma perigosa aventura, ultrapassando perigos e obstáculos, enfrentando monstros marinhos, grutas habitadas por canibais e ilhas vulcânicas. Irá ele encontrar Moby Dick?

"De Umas Coisas Nascem Outras", Rachel Caiano, João Pedro Mésseder 

Será que as coisas são sempre como são? Ou será que se podem transformar noutras, se olharmos para elas de outro modo? Entre prosa e poesia, este livro pode abrir-se em qualquer página para aí descobrir novos significados e metáforas para as coisas do dia a dia. De umas coisas nascem outras. A Lua afinal é um botão, as nuvens são árvores, e nada é apenas aquilo que parece ser.

"Esdrúxulas, Graves e Agudas - Magrinhas e Barrigudas", José Fanha, Afonso Cruz 

É um facto que as palavras são como as pessoas: ou seja, são todas diferentes umas das outras. Há palavras magrinhas e barrigudas, e todas elas se distinguem pela sua acentuação, como se usassem chapéu. Através de pequenas histórias e poemas, as palavras ganham vida e brincam entre si, tornando mais fácil a aprendizagem e criando jogos divertidos com a nossa língua.

"A Menina do Mar", Sophia de Mello Breyner Andresen, Fernanda Fragateiro 

Um conto intemporal de um dos maiores nomes da literatura portuguesa, sobre a amizade entre um rapaz e a Menina do Mar. Cada um vive no seu mundo, mas a curiosidade de ambos leva-os a querer partilhar essas diferenças: a menina fica a saber o que é o amor, a saudade e a alegria; o rapaz aceita viver com ela no fundo do mar. Trata-se de um livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura para o 5.° ano de escolaridade.

Mais de 12 anos

Clique nas capas para saber mais

"A História do Senhor Sommer", Patrick Süskind, Sempé 

Escrito em forma de memórias, esta é a história de um rapazinho e dos tempos mágicos em que vivia numa aldeia e que trepava às árvores. Nesta divertida e ternurenta viagem à infância, o narrador fala-nos do senhor Sommer, um vizinho que andava sempre carrancudo de um lado para o outro, de como aprendeu a andar de bicicleta, das aulas de piano e da sua primeira desilusão amorosa.

"O Diário de Anne Frank - Diário Gráfico", Ari Folman, David Polonsky, Anne Frank 

O Diário de Anne Frank, escrito pela jovem Anne entre 1942 e 1944, é uma obra de referência para compreender a perseguição aos judeus durante a Segunda Guerra Mundial. Este livro é uma abordagem gráfica à obra original, revelando o dia a dia da família de Anne, que viveu escondida durante a ocupação nazi na cidade de Amesterdão.

"O Homem Que Plantava Árvores", Jean Giono

Indo buscar inspiração em acontecimentos verdadeiros, neste livro descobrimos como a força de vontade e a perseverança podem, de facto, potenciar a mudança. Sozinho, um homem assumiu uma missão pessoal de plantar árvores e reflorestar uma das regiões mais inóspitas e áridas de França, possibilitando a transformação da natureza à sua volta. Uma história sobre o admirável poder da força interior.

"O Livro da Ciência"

Haverá mundos para além do nosso sistema solar? O que foi exatamente o Big Bang? E será que os humanos são os responsáveis pelo aquecimento global? Estas e muitas outras questões podem ser encontradas neste livro, escrito numa linguagem acessível e repleto de ilustrações e diagramas, que descomplicam as teorias científicas. Afinal, a ciência não só é interessante, como pode ser divertida e estimulante.

"História de uma Gaivota e do Gato que a Ensinou a Voar", Luis Sepúlveda 

O que acontece quando um gato trava amizade com uma gaivota? Improvável? Talvez. Mas não impossível — pelo menos não nesta fábula em que Zorbas, um gato grande, preto e gordo, se depara um dia com uma gaivota que foi apanhada por uma maré negra de petróleo e que deixa ao seu cuidado o ovo que acabara de pôr. Zorbas cumpre a sua palavra e, além de criar a pequena gaivota, assume o compromisso de a ensinar a voar.

"O Meu Pé de Laranja Lima", José Mauro de Vasconcelos

Um dos mais aclamados e comoventes clássicos da literatura juvenil brasileira. Esta é a história de Zezé, um menino nascido no seio de uma família muito pobre. Apesar de inteligente, sensível e criativo, Zezé também é bastante endiabrado, em resultado da falta de atenção, pois os pais têm outras preocupações. É por isso que recorre à imaginação, adotando como confidente uma pequena árvore, o pé de laranja lima, ao qual revela os seus sonhos e desejos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.